Make your own free website on Tripod.com

 

DICAS PARA WINDOWS NT

Clique na dica que você quer ver

ABERTURA PERSONALIZADA: 

Monitore sua Rede  

CAMINHOS INSTANTÂNEOS NO WINDOWS NT 4.0 

BEM-VINDO AO NT 

MENU DE BOOT

CARA DO EXPLORER

Barras de Tarefas NT

Prompt de Comandos NT 

BACKUP AUTOMÁTICO

SURPRESA NO WINDOWS

DICA DE BIOS: NT

Configuração NT 

A CASA DO NT

UM DISQUETE ESPECIAL

ENCONTRANDO ÇOMPARTILHAMENTOS

EDITANDO REGISTROS REMOTOS

MOVENDO A FILA DE IMPRESSÃO

ABRA JANELAS PELO MS-DOS 

SUJEIRA NA LINHA TELEFÔNICA

SEGUNDA VISTA: NT

INSTALAÇÃO RÁPIDA: NT

OS DIREITOS NT 40 

TERAPIA EM GRUPO NT

SEM SETA: 

ATALHOS PERSONALIZADOS

TCHAU, DISQUETES! NT 

ABRINDO PASTAS NO NT

Um Menu Iniciar Ideal

Explorer em Meu Computador

Corrija sua Identidade

O NT e o Intellimouse

Personalize o Bem Vindo

Construa uma Lixeira melhor 

Escolha seu Ícone

SEM INICIALIZAR? 

MUDE OS PADRÕES

O TEMPO DO MENU

MENSAGENS DE INÍCIO

RDISK NO RESGATE

DISCO DO NT À MÃO

SUBSTITUA A CONFIGURAÇÃO 

DOS ACEITA NTFS

COMPONENTES FÁCEIS 

OPÇÃO ECONÔMICA

SEM OS DISCOS

MODO EMULADO

MARAVILHOSOS ASSISTENTES

ESCONDA NOMES DE USUÁRIOS

ESCONDA UNIDADES

COMPARTILHAR SELETIVO 

DIAGNÓSTICO DE HARDWARE

MONITORE O DISCO RÍGIDO

FDISK O

EVITE OS INDESEJÁVEIS

PERFIS EM QUALQUER LUGAR

QUAL E O ENDEREÇO

CHEGA DE FAT

AUDITORIA FÁCIL

CRIE MODELOS DE USUÁRIOS

NÃO PRECISA REPETIR INSTALAÇÕES

Estações DOS

Instalação do NT

TORNE SEU SISTEMA A PROVA DE HACKERS

MONITORE SEUS APLICATIVOS

COMPATIBILIDADE É TUDO

ACESSO NEGADO

SINAL DE OCUPADO, FORA! 

DESEMPENHO EM ALERTA

WINDOWS NT Outros

APENAS PARA OS FANÁTICOS PELO NT 

RECUPERE O SEU ESPAÇO

UMA CURA PARA OS SIMPLÓRIOS

A FERRAMENTA

0 ESPLENDOR DO RAS

CONTA PRÓPRIA  

SEM O SHUT DOWN

NT E 95 PAGINANDO JUNTOS

CONVERTENDO PARA NTFS 

COMPRIMINDO ARQUIVOS E PASTAS

CRIPTOGRAFIA DE ARQUIVOS E PASTAS

INICIE COM WIN95 OU NT 4.0 

ADICIONE O WIN 31 À MISTURA

LIMPO SEMPRE

Alterando o nome do Servidor NT

Melhor Gerenciamento de arquivos para o NT 

 

ABERTURA PERSONALIZADA:  

Tenho uma dica sobre o Windows NT 4.0 (Server e Workstation). O logotipo que aparece na tela antes de efetuarmos o logon no Windows NT pode ser alterado. Podemos personaliza-lo editando o arquivo de imagem com qualquer aplicativo gráfico, como por exemplo o Paint. Existem dois arquivos predefinidos, um para configurações de 16 cores e outro para 256 cores. Ambos os arquivos estão no diretório de instalação do Windows NT (por exemplo: C:\WINNT). No entanto, os nomes dos arquivos são diferentes para o NT Server e para o NT Workstation:  

Para Windows NT Server 4.0:  
 

LANMANNT.BMP (489x317 pixels - 16 cores) 

LANMA256.BMP (489x317 pixels -256 cores) 

Para Windows NT Workstation 4.0:  
 

WINNT.BMP (489x317 pixels - 16 cores) 

WINNT256.BMP (489x317 pixels 256 cores) 

 
 
 

Monitore sua Rede  

Veja como monitorar seus usuários, configurando regras de auditoria. o único recurso necessário é o Auditing, embutido no NT.  

A palavra auditoria normalmente nos faz lembrar coisas desagradáveis que envolvem o imposto de renda. Entretanto, a auditoria também pode ser uma coisa boa especialmente se você é um administrador de rede Windows NT. Veja o porquê. O servidor NT pode monitorar sete tipos de atividades de sistema comuns e armazená-las em um registro de segurança, que pode ser verificado posteriormente. Por padrão, o recurso de auditoria do NT não é ativado, mas é bem fácil de ser configurado. Assim, você tem à disposição, uma poderosa ferramenta de monitoração de rede, que pode até mesmo ajudá-lo a localizar uma falha de segurança.  

BAIXO CUSTO Antes de começarmos, você deve lembrar-se de que nada na vida é de graça, e a auditoria não é uma exceção. Mais especificamente, o custo de monitorar sua rede pode significar uma redução potencial no desempenho, porque esta tarefa aumenta - e às vezes significativamente a sobrecarga do sistema. Mas tudo depende do número de eventos que você deseja monitorar e com que freqüência eles ocorrem. Se, depois de ativar o recurso de auditoria, você notar uma redução no nível de desempenho, execute o Performance Monitor, para determinar se é necessária uma versão atualizada de hardware, ou uma redução na quantidade de auditoria. Existem dois modos diferentes de implementar um sistema de auditoria no Windows NT.  

O primeiro consiste em configurar uma política de auditoria em um controlador de domínio. Neste caso, a política é aplicada a todos os servidores no domínio, porque todos compartilham a mesma política.  

O segundo método refere-se à configuração de uma política de auditoria em uma estação de trabalho, que pode ser um membro de um domínio ou de um grupo de trabalho, em um servidor que não é um controlador de domínio. Seja qual for o caso, a política é aplicada somente àquela máquina em particular. Mas, independente do método que utilizar, tanto os eventos que você pode monitorar como a estrutura dos registros, permanecem os mesmos.  

O LOCAL DE CONTROLE O User Manager for Domains controla os recursos de auditoria do NT, e está disponível na pasta Administrative Tools no menu Iniciar. Depois de executar o User Manager, selecione Policies e depois Audit para abrir a caixa de diálogo Audit Policy. Então, selecione a opção Audit These Events para habilitar a lista de eventos que você pode monitorar. Para cada evento, você pode monitorar o respectivo sucesso, fracasso ou ambos, selecionando as caixas de seleção apropriadas. Alguns dos eventos mais úteis incluem Logon e Logoff, que o ajudarão a determinar se alguém tentou obter acesso a um sistema sem autorização. Por exemplo, um ataque de dicionário (isto é, quando alguém tenta descobrir a senha do administrador) em um servidor poderia acionar o NT para registrar todas as tentativas malsucedidas de registro de logon. A opção File and Object Access também está disponível. Ativando-a, você poderá saber quando alguém abre, modifica, ou grava um arquivo. Esta opção também lhe informa quando alguém tenta abrir ou alterar um arquivo sem ter autorização para fazê-lo. Embora essas tarefas sejam inofensivas na maioria da vezes, é melhor sempre estar preparado.  

CONFIGURANDO REGISTROS Depois de decidir quais eventos você deseja monitorar, o próximo passo é configurar os registros. Você pode visualizar os registros de segurança do NT a partir do Event viewer, outro applet disponível na pasta Administrative Tools. Para isso, execute o Event Viewer, selecione Log na barra de menus e escolha Log Settings. Na caixa de diálogo Event Log Settings, selecione Security na lista (na verdade, há três registros; as outras duas são System e Application). Logo abaixo dessa lista, você pode especificar um tamanho máximo para o registro. O padrão é 512KB, mas é possível aumentar ou diminuir em incrementos de 64KB. Desde que você tenha espaço suficiente em disco, é melhor definir o tamanho do registro como o maior possível, para que ele não seja executado fora do espaço pré-definido. O que acontece se o registro é executado fora do espaço de disco, depende do que você seleciona na seção Event Log Wrapping. Há três opções: Overwrite Events as Needed, Overwrite Events Older Than e Do Not Overwrite Events. Basicamente, a primeira opção permite sobrescrever as entradas anteriores enquanto a terceira interrompe completamente a gravação. Nenhuma das duas escolhas é a mais correta, porque podem resultar em uma grave perda de informação. Eu recomendo a segunda opção, porque configura o registro para sobrescrever somente as entradas mais antigas ao número de dias que você especifica (o padrão são sete dias, mas você pode alterar se quiser).  

É possível visualizar o registro em forma de lista, obtendo apenas as informações básicas sobre cada evento; um clique duplo em qualquer evento abre uma janela, fornecendo informações mais detalhadas sobre o mesmo. Além disso, você pode salvar registros para posteriores consultas, selecionando Log|Save As 

Além disso, o Event viewer lhe permite pesquisar arquivos de registro com recursos de pesquisa básicos. Ele usa o conhecido comando Find, que você pode ter acesso a partir do menu View ou pressionando a tecla F3. Embora os recursos de auditoria embutidos no Windows NT sejam úteis, eles são bastante primários quando comparados com as ferramentas de um pacote especificamente elaborado para a monitoração de redes. Portanto, se você pensa que resolveu seus problemas referentes ao NT, procure por um produto de terceiro e, feliz auditoria! 
 

CAMINHOS INSTANTÂNEOS NO WINDOWS NT 4.0  

Nomes longos de arquivos e pastas tomam a digitação mais entediante do que nunca se você ainda usa a linha de comandos. Felizmente, o Windows NT 4.0 fará a maior parte da digitação para você. Basta ativar este recurso, que requer um pouco de edição do Registry.  

Mexer no Registry pode causar grandes problemas. Certifique-se de que já criou um disco de reparo de emergência do NT; ele pode resolver problemas do Registry. Se você não tiver o disco de reparo, escolha FileRun no File Manager ou Program Manager, digite rdisk e pressione <Enter>. Use este utilitário para criar um disco de reparo antes de prosseguir.  

Agora escolha Start-Run, digite regedit e pressione <Enter> para entrar no Registry. Procure na árvore HKEY_CURRENT USER\Software\ Microsoft. Na pasta Microsoft, procure uma pasta chamada Command Processor. (Se você não a encontrar, clique com o botão direito do mouse em Microsoft no painel da árvore e escolha New-Key. Digite Command Processor e pressione <Enter>.)  

Selecione a pasta CommandProcessor no painel da árvore. No painel direito, procure um ícone chamado CompletionChar. Se você não o encontrar, clique com o botão direito do mouse no painel direito e escolha NewDWORD.Value. Depois digite CompletionChar e pressione <Enter>.  

Dê um duplo clique no ícone CompletionChar. Digite 9 no quadro de data Value e pressione <Enter> ou clique em 0K. Em seguida, no mesmo painel, procure um ícone chamado EnableExtensions. (Se você não o encontrar, clique com o botão direito do mouse no painel direito e selecione New-DWORD Value. Digite EnableExtensions e pressione <Enter>.) Dê um duplo clique no ícone EnableExtensions. Digite 1 no quadro de texto Value e pressione <Enter> ou clique em 0K Então saia do Editor de Registry.  

O resto é fácil. Da próxima vez que você estiver na janela de linha de comandos, basta digitar seu comando, mais a primeira ou as duas primeiras letras de um arquivo ou pasta de que necessita. Pressione <Tab> para que o NT digite o primeiro arquivo ou pasta que começa com estas letras. Se você não obtiver o que deseja, é só continuar pressionando <Tab> até ver o nome do arquivo ou pasta que está procurando.  
 
 
 

BEM-VINDO AO NT  

Agora você pode criar uma mensagem que aparece toda vez que um usuário se logar no NT 4.0. Pode ser qualquer coisa, desde um aviso a usuários não autorizados a um lembrete amigável. Para isso, primeiro faça uma cópia de segurança do Registro; depois, abra o Editor de Registros em HKEY_LOCAL_MACHINE. No menu Edit, escolha Search e procure por Legal em Values. Quando o texto LegalNoticeCaption aparecer, pressione Enter. Digite o título da mensagem e clique em 0K. Depois, dê um clique duplo no ícone LegalNoticeText imediatamente abaixo, digite o texto da mensagem e clique em 0K. Reinicialize para ver a mensagem aparecer. 
 

MENU DE BOOT  

Em um sistema de boot dual rodando Win95 e NT 4.0, um menu aparece durante a inicialização para que você escolha um sistema operacional. Você pode, entretanto, esconder este menu e fazer com que o sistema inicialize com o sistema operacional padrão. Do marcador Startup Shutdown, coloque zero na opção "Show list for". Para fazer o menu reaparecer, simplesmente coloque nesta opção um número maior que zero. 
 

CARA DO EXPLORER  

Para configurar o Meu Computador para mostrar os conteúdos das pastas no estilo de painel duplo do Explorer, abra uma janela e escolha Exibir | Opções | Tipos de Arquivo. Selecione Pasta da lista dos Tipos de Arquivos Registrados e clique em Editar. Selecione Explore na caixa Ações, clique no botão Definir Padrão e feche as caixas de diálogo Editar o Tipo de Arquivo e Opções. 
 

Barras de Tarefas NT  

Nas versões do Windows NT 3.x, você podia iniciar o Task Manager com um duplo clique sobre a área de trabalho. A Microsoft pensou que esta maneira era muito inconveniente, pois, no Windows NT 4.0, este recurso foi eliminado. Em vez disso, você tem que pressionar Ctrl+Alt+Del e selecionar o botão Task Manager. Por que não colocar um atalho para o Task Manager na área de trabalho? Para isto, clique com o botão direito numa parte em branco da área de trabalho e escolha New | Shortcut. No campo Command Line, digite C:\WinNT\System32\TASKMGR.EXE e clique Next. Nomeie o atalho e clique em Finish. Ou simplesmente pressione Ctrl+Shift+Esc que é até mais fácil. 
 

Prompt de Comandos NT  

Nas janelas das sessões DOS, é exibido apenas o prompt básico de comandos. Porém, no WinNT 4.0, você pode adicionar facilmente, por exemplo, as palavras Windows NT 4.0. Clique em Start I Settings | Control Panel e dê um duplo clique no ícone System. Selecione a guia Environment e, no campo Variable, digite Prompt. Na linha Value, digite uma mensagem para ser exibida antes do prompt básico, como Windows NT 4.0$_$p$g. Ele se parecerá com o seguinte:  

Windows NT 4.0  

C:\>  

Ao terminar, clique em Set e 0K.  
 
 
 

BACKUP AUTOMÁTICO  

O Windows NT vem com um bom utilitário de backup mas há um problema: o Backup não permite que você agende os horários dos backups. Usando o serviço Schedule com o recurso de acionamento por linha de comando do Backup, você pode. (Uma versão do serviço Schedule, chamado WINAT.EXE está disponível em www.zdnet.com/wsources/content/0298/hd_et.html, opção "here" no final do texto Automatic Backups.) Transfira o arquivo WINAT.ZIP e descompacte-o na sua pasta WinNT 

Para iniciar a o serviço, no Explorer, dê um duplo clique no arquivo WINAT.EXE. Ao fazer isto, a caixa de diálogo Add Command surge; selecione Edit | Add. Agora digite o comando de acionamento do backup. Por exemplo, o comando abaixo executa a cópia de todos os arquivos da unidade C:, sobrescreve os arquivos que já estão na fita, nomeia este backup como System Backup, armazena os dados do Registry e registra o processo em um arquivo chamado BACKUP.LOG 

NTBACKUP BACKUP C: /D "SYSTEM BACKUP" /B /L "C:\BACKUP.LOG"  

(Você pode encontrar mais parâmetros de configuração do Backup executando o comando NTBACKUP /? no prompt). Agora, defina quando e como o serviço deverá funcionar. Em This Occurs, selecione Today, Tomorrow, Every ou Next, selecione os dias e defina os horários. Ao terminar, clique 0K. A programação será exibida na janela. Você pode redefinir ou remover esta tarefa selecionando-a e clicando Edit 
 
 
 
 

SURPRESA NO WINDOWS  

No WinNT 4.0 e Win95 OSR2, você encontrará um segredo informativo, escondido, e engraçadinho. Clique o botão direito numa parte vazia da área de trabalho e escolha Properties. Na guia Screen Saver, escolha 3D Text da caixa de listagem. Então, clique o botão Settings, digite a palavra volcano no campo de texto e pressione Enter. Na próxima vez que o protetor de tela for acionado, você verá a surpresa.  
  
 
 
 
 

DICA DE BIOS: NT  

Não é possível instalar o sistema operacional NT 4.0 Workstation ou Server em máquinas que tem a opção de BIOS Swap Floppy Disk habilitada, pois ele identifica o hardware fisicamente e não aceita essa "Troca virtual". O erro aparecerá na instalação do NT, após a instalação dos três disquetes padrão.  
 
 
 

Configuração NT  

Através dos anos, muitos novos tipos de mídias removíveis para Windows NT foram lançadas. Inclui-se unidades Zip e Jaz, torres e gravadoras de CDs. Adicionar um destes dispositivos pode modificar a letra da unidade que foi associada à leitora de CD-ROMs do CD de instalação do NT. Se isto ocorrer, você deve informar ao NT onde encontrar os arquivos para a configuração de um novo serviço ou a atualização de um driver do seu sistema. Entretanto, você pode redirecionar a localização padrão modificando o Registry.  

Para fazer isto, digite regedit na caixa de diálogo Run do menu Start e pressione Enter, para abrir o Registry Editor. Abra as seguintes pastas nesta seqüência: HKEY_LOCAL_MACHINE\Soft-ware\Microsoft\Windows NT. selecione a chave CurrentVersion e dê um clique duplo na entrada SourcePath. No campo Value, digite o caminho da pasta \1386 (X:\I386, por exemplo; onde X: é a letra da unidade de CDROM), então clique 0K e feche o Registry Editor. Agora, o WinNT procurará, automaticamente, seus arquivos na pasta configurada  
 
 
 

A CASA DO NT  

Além do CD-ROM do NT, o pacote do WinNT vem com três disquetes de sistema, que inicializam a máquina e preparam a unidade de disco rígido para a instalação do sistema operacional. Se um destes discos for danificado, você pode ter duas opções. Primeiro, você pode iniciar o sistema com um disquete de "boot" DOS, com os drivers da unidade de CDROM pre-configurados, e digitar no prompt o comando X:\I386\WINNT /B (presumindo que X: é a letra da leitora de CD-ROM). Com isto, você evitará o uso dos disquetes e executará o NT Setup. A segunda saída A segunda saída requer que você recrie os discos de sistema a partir da pasta \Windows NT do seu disco rígido, através de arquivos de um WinNT instalado numa partição FAT. Esta é sua única solução, caso você não tenha acesso a uma pasta \Windows NT; e ainda precisará usar um outro computador com uma leitora de CD-ROM para criar os disquetes de instalação.  

Inicialize o sistema pelo prompt do DOS, alterne para a pasta \Windows NT (ou a pasta \I386 no CD-ROM do WinNT) e digite WINNT /OX. Pressione Enter e siga as instruções da tela. Quando você tiver terminado, reinicie o sistema utilizando o disquete criado, que executa o programa Windows NT Setup. 
 

UM DISQUETE ESPECIAL  

O Windows NT não permite a criação de um disco de inicialização (boot). Suponha que você perdeu o Boot Manager e não criou o Emergency Repair Disk. Numa situação como esta, um disco de inicialização pode ser uma ferramenta indispensável. Veja como criar um disco de boot especial.  

Insira, na unidade, um disquete de inicialização e copie os seguintes arquivos:  

1) ntldr (programa do NT de carga para múltiplos sistemas).  

2) boot.ini (descreve a localização de partições, que você especifica usando convenções de nomes ARC).  

3) ntdetect.com (usado para detecção de hardware).  

4) bootsect.dos (necessário para iniciar em modo DOS).  

5) ntbootdd.sys (presente somente em sistemas usando dispositivos SCSI).  

Se você não encontrar estes arquivos na pasta-raiz, redefina o Explorer para a visualização de arquivos ocultos. Para isto, selecione Options do menu View, e ative o item "Show all files" na guia View. Também confirme se a opção "Hide MS-DOS file extensions for file types that are registered" não está habilitada. Quando tiver terminado, clique 0K. Você deve visualizar os arquivos agora. Senão, pressione a tecla F5 e tente novamente. Depois de copiar os arquivos para o disquete, faça um teste com ele; caso tudo funcione com sucesso, proteja o disco contra gravações.  
 
 

Administre Melhor Sua Rede NT 4.0  

ENCONTRANDO ÇOMPARTILHAMENTOS  

Como você provavelmente já sabe, o comando NET VIEW do Windows mostra uma lista de redes de computadores compartilhados. Porém, se um computador hospeda numerosos compartilhamentos, a lista pode ultrapassar o tamanho de uma tela. Obviamente, você irá resolver este problema utilizando o comando MORE após o NET VIEW, mas mesmo assim você ainda iria ter que procurar em uma longa lista até encontrar o compartilhamento que você procura. Mas existe uma forma de filtrar esta lista através do comando Find e especificar um grupo de caracteres que estejam presentes no nome do compartilhamento que você procura. O comando  

NET VIEW \\nome | find "string"  

(onde nome é o nome do computador e string é a palavra pela qual você está procurando) vai mostrar apenas uma lista de compartilhamentos que contém a palavra que você busca. Utilize a string sempre em letras maiúsculas.  
 
 
 

EDITANDO REGISTROS REMOTOS  

Da próxima vez que você precisar verificar ou modificar registro de máquinas da sua rede NT não será preciso nem se levantar da cadeira. Utilize o Registry Editor para editar o registro de qualquer computador que você tenha privilégios administrativos. Para abrir o Registry Editor, escolha a opção Run no menu Start e digite regedt32. Para editar o registro de outro computador escolha Select Computer do menu Registry e espere até que ele atualize a lista das máquinas da sua rede então escolha o computador que você quer editar e clique OK. O Registry Editor irá mostrar duas chaves, a HKEY_LOCAL_MACHINE e a HKEY_USERS. Não se esqueça que as alterações no sistema remoto só irão funcionar quando o sistema for reiniciado e que para esta dica funcionar no Windows 95 o serviço Remote Registry precisa estar sendo executado.  
 
 

MOVENDO A FILA DE IMPRESSÃO  

Ao instalar uma impressora sob o Windows NT, o sistema operacional cria uma pasta \System32\Spool que irá guardar os arquivos de impressão. Se você compartilha a impressora com outros usuários da rede, esta pasta pode ocasionalmente consumir muito espaço no seu disco rígido.  

Uma boa dica para evitar este tipo de problema, é mover este diretório para um segundo HD. Para fazer isso, abra o Control Panel e clique duas vezes no ícone Printers. Então escolha Server Properties do menu File. Na caixa Printer Server Properties, escolha a opção Advanced e entre com um novo caminho para a fila de impressão. Quando o sistema reiniciar o Win NT criará a fila no novo local  

especificado.  
 
 

ABRA JANELAS PELO MS-DOS  

Para abrir janelas do Windows pelo prompt do MS-DOS volte para a raiz (CD \) e utilize o comando START (START C:\WINDOWS, por exemplo). Experimente também combinações como START /M, START /MAX ou ainda START /R 
 
 
 

SUJEIRA NA LINHA TELEFÔNICA  

Provavelmente você já teve problemas com downloads na lnternet. Algo como uma grande demora para abrir um site, fazer um download, ou até mesmo um lag durante um chat no IRC. Tudo isso por causa de sujeira na linha telefônica. Tenho uma dica prática e simples, que vai ajudá-lo muito. Entre no Meu Computador, Acesso a Rede Dial-Up, e clique com o botão direito do mouse em cima do ícone de acesso e entre em Propriedades. Depois clique em Configurações, Conexão, Configurações de Porta e diminua o buffer de recebimento. 
 

SEGUNDA VISTA: NT  

Ao instalar pela primeira vez o Windows NT Workstation ou Server, ele não reconhecerá os servidores NetWare que estiverem na mesma rede. Para dar ao NT a capacidade de identificar servidores NetWare, vá para Start | Configurations I Control Panel. Dê um duplo clique no ícone Network e selecione a guia Services. Clique no botão Add e escolha Client Service for NetWare. Se estiver usando NT Server, selecione "Gateway (and Client) Services for NetWare" Clique 0K e informe ao NT onde encontrar os arquivos de instalação (ou seja, no CD-ROM do NT); o NT copiará os arquivos e solicitará que você reinicie o sistema. Quando a caixa de diálogo Select NetWare Logon surgir, você poderá selecionar o servidor NetWare no qual deseja abrir a sessão.  

Para os usuários do NDS (NetWare Directory Services), estabeleça as configurações de Default Tree and Context. Agora, você pode acessar todos os servidores NetWare (isto é, se você estiver trabalhando com o mesmo protocolo de rede). 
 

INSTALAÇÃO RÁPIDA: NT  

Crie um disco de inicialização DOS para instalar o NT e crie um arquivo CONFIG.SYS com estes comandos:  

DEVICE=HIMEM.SYS  

DEVICE=EMM386.EXE RAM  

FILES=50  

Agora, na linha de comando, carregue o SMARTDRV.EXE com metade da memória disponível da máquina. Por exemplo, se você tem 32MB de RAM:  

LH SMARTDRV.EXE 16000  

Isto criará um cache de disco de 16MB e a instalação do NT será uma bala!! (Pelo menos a primeira fase do Setup, que é a mais demorada!)  
 
 
 

OS DIREITOS NT 40  

Os administradores de sistema que tentam efetuar o logon a um servidor usando outro nome de usuário sempre recebem uma mensagem de erro que diz "The local policy of this system does not permit you to log on interacuvely". Isso acontece quando um usuário do domínio não possui direitos de acesso a um computador que está conectado a esse domínio. Para corrigir este problema, acesse o sistema local usando a conta de administrador (ou equivalente). Vá para o Start Programs | Administrative Tools (common) | User Manager for Domains e, então, selecione Policies | User Rights. Em seguida, escolha Log on locally da caixa com lista suspensa e clique o botão Add. Na caixa de diálogo que aprece, você devera ver uma lista de todas as contas de grupo de sistema. Para associar o acesso para um usuário individual, clique o botão Show Users, selecione o grupo ou usuário desejado e clique o botão Add. Clique 0K duas vezes e reinicie o sistema. 
 

TERAPIA EM GRUPO NT  

No Windows 95, a visualização da pasta Programas é simples e direta: quando você seleciona Iniciar Configurações | Barra de Tarefas e clica o botão Avançado na guia Programas do Menu Iniciar, uma janela do Explorer aparece contendo apenas a sua pasta Programas. Infelizmente, no Windows NT, esta visualização não é tão objetiva; ela exibe uma pasta Programas para cada usuário (Administrator, Guest, All Users e assim por diante). É possível fazer com que esta visualização mostre apenas a pasta Programas do usuário que está conectado. E você pode colocar um Atalho para ele no menu Programs do botão Start do NT 4.0. Eis como. Clique em Start I Settings Taskbar I Start Menu Programs Advanced. Agora, localize a pasta All Users. Abra a ramificação Start Menu e selecione Programs. A partir da barra Menu, selecione File | New | Shortcut e, na linha de comando, digite isto:  

%windir%\explorer.exe /e, /root, %userprofile%  

Agora, dê um nome para o atalho. Quando você clicar em Start | Programs, este novo atalho aparecerá na metade inferior do menu secundário.  
 
 
 

SEM SETA:  

Retire o sinal de atalho dos ícones do Windows 95 com esta dica. Clique o botão Iniciar l Executar e digite regedit. Crie uma cópia do Registro atual, clicando o menu Registro l Exportar Arquivo de Registro. Ao acabar, clique Editar | Localizar. No campo Localizar, escreva lnkfile. clique em Localizar Próxima até encontrar a pasta "lnkfile" (sem aspas). No painel direito, haverá uma chave IsShortcut. Apague-a. Em seguida, localize a pasta "piffile" (sem aspas) e a apague a chave IsShortcut dela. Feche o Editor de Registro e reinicie o Windows. Caso ocorra algum erro, execute o Editor de Registro e clique o menu Registro Importar Arquivo de Registro.  
 
 
 

ATALHOS PERSONALIZADOS  

Cansado dos "batidos" ícones de atalhos? No Windows 95 e NT 4.0, você pode substitui-los com arquivos .BMP à sua escolha. Basta dar um clique com o botão direito do mouse sobre o atalho e selecione Propriedades (Properties). Na caixa de diálogo Propriedades, selecione a guia Atalho (Shortcut) e clique o botão Alterar Ícone (Change Icon). No campo Nome do Arquivo (File Name), digite o caminho e o nome do .BMP que você quiser (ou utilize o botão Procurar para encontrá-lo) e clique 0K. Seu .BMP substituirá o ícone de atalho original. 
 

TCHAU, DISQUETES! NT  

Se você está preocupado com a entrada de vírus em sua rede a partir das unidades de disquetes, uma medida preventiva é desabilitar a unidade. Abra o Registry Editor, selecionando Start Run e digitando regedit na linha de comando. Abra as pastas nesta ordem: HKEY_CURRENT_USER I Software Microsoft | Windows | CurrentVersion | Policies, e dê mais um clique na pasta Explorer. No menu Edit, selecione New | DWORD Value. Renomeie a entrada para NoDrives e pressione Enter. Dê um clique com o botão direito na entrada NoDrives e selecione Modify. Na caixa Value, digite 1 (um), então clique 0K e feche o Registry Editor. Depois de reinicializar o sistema, você não será capaz de acessar sua unidade de disquete a partir do My Computer ou Explorer entretanto você ainda poderá ter acesso pelo (antigo) File Manager ou por uma sessão DOS do WinNT.  
 
 
 

ABRINDO PASTAS NO NT  

Para abrir pastas no Command Prompt do Windows NT, existe um modo bem mais simples do que digitar CD e o nome do diretório completo. Experimente digitar CD e a primeira letra do diretório desejado seguida de *. Por exemplo, se você quiser abrir o diretório Windows NT, apenas digite "cd w* ". Caso você tenha outra pasta que comece com a letra "w", digite "cd Wi* " e assim por diante. 
 

Um Menu Iniciar Ideal  

Comece tirando proveito de algumas configurações rápidas para personalizar o menu Iniciar não é necessária nenhuma edição no Registro para este truque. Primeiro, inclua as pastas Painel de Controle, Impressoras, Rede Dial-Up e Lixeira no menu Iniciar.  

Para incluir esses itens você precisa manipular os Identificadores de Classe (ou CLSIDs), longas seqüências de números e letras que identificam cada item do Registro. O CLSD do Painel de Controle é {21EC2020-3AEA-1069-A2DD-O8002B30309D}; da pasta Impressoras é {2227A280-3AEA-1069-A2DE-08002B30309D}; do Acesso à Rede Dial-UP é {992CFFA0-F557-101A-88EC-00DD0l0CCC48} e da Lixeira é {645FF040-5081-101B-9F08-00AA002F954E} 

Para incluir o Painel de Controle no seu menu Iniciar, use o Explorer do Windows para criar uma nova pasta em \Windows\Menu Iniciar chamada Painel de Controle Rápido.{21EC2020-3AEA-1069-  

A2DD-08002B30309D}. O nome à esquerda do ponto é o que aparece no menu Iniciar e pode ser qualquer um que você escolher; o CLSID fica entre chaves e à direita do ponto. Faça o mesmo para as outras três pastas do Windows, usando o CLSID de cada um.  
 
 
 

Explorer em Meu Computador  

Dê um clique duplo no Ícone Meu Computador para exibir as unidades do seu PC, impressoras e o Painel de Controle. Não seria agradável se você desse um clique duplo no Meu Computador e aparecesse algo útil como o Explorer do Windows? É fácil alterar isso.  

  • Windows 95: Navegue no Registro expandindo as chaves HKEY_CLASSES_ROOT\CLSID\ {20d04fe0-3aea-1069-a2d8-08002b30309d}\Shell. Dê um clique com o botão direito e escolha Novo | Chave. Digite open e pressione Enter. Dê um dique com o botão direito em open e escolha Novo | Chave. Digite command e pressione Enter. Dê um dique duplo em (Padrão), digite explorer /e,c:\windows e pressione Enter.

  •  
  • Windows NT: Localize mesma chave \Shell do exemplo anterior. Clique o menu Edit | Add Key, digite open e pressione Enter. Clique em Open I Edit IAdd Key, digite command e pressione Enter. Clique em Command I Edit I Add Value 0K, digite explorer /e,c:\winnt e pressione Enter. Agora você encontrará arquivos em segundos.

  •  

Corrija sua Identidade  

Seu PC sabe quem é você? Certifique-se de que o Windows possui as informações corretas de nome e da sua empresa registrados, porque muitos aplicativos da Microsoft utilizam essas informações automaticamente ao serem instalados. No Registro, localize as entradas DefName e DefCompany na chave HKEY_CURRENT_ USER\Software\Microsoft\MS Setup (ACME)\User Info. Altere-os de modo que apresentem as informações corretas.  

Se você comprou seu PC com o Windows pré-instalado, o valor pode exibir algo como ValuedCustomer. Para conferir os dados atuais, inicialize o Explorer do Windows, clique em Ajuda | Sobre o Windows.  

Uma outra opção é navegar até a chave de Registro HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFT-WARE\Microsoft\Windows\CurrentVersion e alterar os valores RegisteredOwner e RegisteredOrganization. (No NT, a chave é \Microsoft\Windows NT\CurrentVersion.). 
 

O NT e o Intellimouse  

Se você usa um Microsoft Intellimouse com o Windows NT 4.0, pode desejar ajustar a sensibilidade da roda (usuários do Windows 95 devem acessar Iniciar I Configurações | Painel de Controle | Mouse e clicar a guia Wheel). Encontre a chave do Registro HKEY_CURRENT_USER\ ControlPanel\Desktop\WheelScrollLines. Inicialmente, o NT define este valor como 3. Se você quer que a roda fique mais sensível, aumente o valor para 5 ou mais. Agora, teste a nova configuração. 
 

Personalize o Bem Vindo  

Cada vez que você reinicializa o Windows 95 ou o NT, a tela Bem-vindo da Microsoft aparece e exibe dicas para os iniciantes. A maioria das pessoas desativa essa tela depois de algumas semanas. Altere as dicas da tela de boas-vindas que acompanha o Windows ou inclua suas próprias idéias brilhantes editando o Registro. Comece o Editor do Registro e navegue até a chave HKEY_LOCAL_MACHINE\ SOFTWARE\microsoft\Windows\ CurrentVersion\explorer\Tips. Certifique-se de que os valores na chave estão numerados consecutivamente a partir do zero. O Windows 95 vem com 48 dicas e o NT com 50, mas você pode adicionar tantas quanto desejar. Selecione Editar Novo Valor da Seqüência, depois escolha um número. Dê um clique duplo na nova dica e digite a mensagem que você quer exibir. 
 

Construa uma Lixeira melhor  

Enquanto estiver remodelando os ícones da sua área de trabalho, você provavelmente desejará mudar o ícone da Lixeira. Isso é um pouco mais complicado. Tanto no Windows 95 quanto no NT, a imagem que e exibida na área de trabalho está localizado no valor (Padrão) da chave CLSID {645ff040-5081-101b-9f08-00aa002f954e}\Defaultlcon. Sempre que você esvazia a Lixeira, a imagem armazenada no valor Empty desta mesma chave é copiada no valor (Padrão) e aparece na sua área de trabalho. Assim que você envia um arquivo para a Lixeira, a imagem armazenada no valor Full é copiado. Portanto você precisa certificar-se de alterar ambos os valores.  
 
 
 

Escolha seu Ícone  

Uma pasta é uma pasta, mas todos aqueles ícones amarelos são apenas borrões. Personalize sua área de trabalho, para tomá-la mais intuitiva e mais amigável, mudando os ícones que exibem os atalhos, arquivos ou pastas que você usa mais freqüentemente. Para alterar um ícone, você precisa identificar seu CLSID e mudar a entrada-padrão para que o novo ícone seja reconhecido. Você encontrará vários ícones para escolher no Windows; que pode ser um pouco mais complicado para os ícones de programa. Eis um truque para localizá-los: Dê um clique com o botão direito em um atalho, selecione Propriedades e clique a guia Atalho. Clique em Alterar ícone, depois Localizar. Isto exibe os ícones vinculados a cada arquivo. Por exemplo, dê uma olhada em C:\Windows\System\Shell32.dll (no NT é %SystemRoot%\ System\Shell32.dll). Os ícones aparecem numerados de cima para baixo (se você possui o Intemet Explorador 4.0 instalado) ou da esquerda para a direita (se não tem); o ícone 3 do Shell32.dll, por exemplo, é a pasta fechada, enquanto o número 4 é a pasta aberta.  

Quando encontrar um ícone que você quer usar, anote o arquivo em que ele está e seu número. Depois, no Registro, você pode informar ao Windows o nome do arquivo, seguido do número.  

Para alterar o ícone associado ao Meu Computador, encontre a chave do Registro HKEY_CLASSES_ ROOT\CLSID\{20d04fe0-3aea-1069-a2d8-08002b30309d}\Defaultlcon. Dê um clique duplo na entrada (Padrão) (no NT é <No Name>: REO_EXPAND_SZ) e mude-a para o ícone que você deseja. Por exemplo, se você escolher Shell32.dll,13, você obterá o ícone de um globo.  

Da mesma maneira, você pode mudar a imagem do ícone de Ambiente de Rede procurando pelo CLSID {208d2c60-3aea-1069-a2d7-08002b30309d}; de Microsoft Network pelo CLSID {00028b00-0000-0000-c000-000000000046}; da Caixa de Entrada em {00020d75-0000-0000-c000-000000000046}; e do Internet Explorer em {fbf23b42-e3f0-101b-8488-00aa003e56f8}. Reinicie o Windows ou pressione F5 para visualizar suas alterações.  
 

 

SEM INICIALIZAR?  

Se você acidentalmente remover arquivos de inicializaçáo do NT do seu diretório-raiz (\root), nenhum sistema operacional funcionará. Um disco de inicialização NT pode vir ao seu resgate. Para criar um, insira um disquete, abra o Explorer, clique com o botão direito sobre o icone do Disco Flexível A: e escolha Formatar. Então copie esses arquivos da sua pasta \root para o disquete: NTLDR, NTDETECT.COM, BOOT.INI e BOOTSECT.DOS. Se o desastre ocorrer, simplesmente ligue o computador com o disquete e copie aqueles quatro arquivos em suas pastas.  
 
 
 

MUDE OS PADRÕES  

Para usar o Win95 ou Win 3.1 como o sistema operacional padrão quando o NT 4.0 inicializar, mantenha pressionada a tecla Alt e dê um duplo clique em My Computer. A seguir, escolha a guia Startup/Shutdown e modifique a opção Startup para confirmar a sua preferência.  
 
 
 

O TEMPO DO MENU  

Para personalizar a duração do menu de inicialização para o NT 4.0 antes de carregar o S0 padrão, pressione o Shift ao dar um clique duplo em My Computer e selecione a guia StartuplShutdown. Então, modifique a opção "Show List for" ("Exiba a lista por") para a sua quantidade de segundos preferida.  
 
 
 

MENSAGENS DE INÍCIO  

Se você receber a mensagem de inicialização "BOOT: Couldn't find NTLDR. Please insert another disk", significa que o arquivo NTLDR não está sendo encontrado ou foi corrompido. Para consertar, copie o arquivo NTLDR do CD de instalação para a sua pasta \root e reinicie.  

Ao aparecer a mensagem "NTOSKRNL.EXE is missing, or corrupt", a culpa é usualmente do BOOT.INI: ou ele está desaparecido ou seu ponteiro interno para os arquivos de sistema NT está incorreto. Se você abriu o BOOT.INI em editor de texto e verificou que está tudo normal, tente copiar o NTOSKRNL.EXE do CD de instalação para a pasta \Winnt\system32.  
 
 
 

RDISK NO RESGATE  

Durante a instalação do NT 4.0, o SO perguntará se você deseja criar um disco Emergency Repair (Reparos de Emergência), que grava sua configuração atual. Faça isto. Mais tarde, se você precisar reinstalar o NT, poderá usar este disco para recuperar o seu computador.  

Para usar o disco ER, comece reinstalando o NT 4.0. Quando a opção ERD aparecer no menu Welcome to Setup, pressione R para iniciar a opção de reparo. A seguir, escolha uma ou todas as possibilidades apresentadas: Inspect Registry files (Inspecionar arquivos do Registro), Inspect startup environment (Inspecionar ambiente de inicialização), Verify Windows NT system files (Verificar sistemas de arquivos NT), Inspect boot sector (Inspecionar setor de inicialização). Então, siga as telas até que seja requisitado o ER 

Se você não criar um ER, não se preocupe. Pode-se criar um a qualquer instante, execute o utilitário RDISK do NT 4.0 (Start | Run, RDISK, 0K) e clique o botão Update Repair Info. É especialmente importante fazer esta tarefa após a adição de novos programas ou equipamentos do sistema.  
 
 
 

DISCO DO NT À MÃO  

Infelizmente, o disco Emergency Repair não funcionará sem os discos de instalação do NT. Entretanto, é fácil criar uma cópia a partir de qualquer máquina NT 4.0 para poder acessar os arquivos originais. Primeiro, consiga três disquetes. Acione Start | Run e digite WINNT32 /OX. Clique 0K e siga as instruções seguintes. Se essa for o seu único sistema NT, teste os discos fazendo a inicialização com disco 1 e inserindo o disco 2; aguarde até visualizar a opção do disco Emergency Repair do menu Welcome to Setup.  
 
 
 

SUBSTITUA A CONFIGURAÇÃO  

O Registry do NT mantém diversas configurações de dados chamadas de conjuntos de controle (control sets). Sempre que você faz alterações no sistema, o NT as grava em CurrentControlSet do Registry, que é uma pasta em HKEY_CURRENT_CONFIG. O NT 4.0 também mantém o conjunto de controle LastKnownGood - que é o último que funcionou de maneira confiável. Então, se você estiver com dificuldades causadas por edições do Registry, ative um conjunto de controle deste último tipo. É desta maneira: no momento da seqüência da inicialização, o NT exibirá a mensagem "Press the spacebar NOW to invoke the Hardware ProfilelLast Known Good menu". Aparecerá o Hardware Profile/Configuration Recovery Menu (Menu de Perfil de HardwarelRecuperaçáo de Configuração). Pressione L para selecionar a opção (L)ast Known Good e opte por Original Configuration a partir da lista.  
 
 
 

DOS ACEITA NTFS  

A Microsoft afirma que, uma vez feita a conversão de um disco FAT para NTFS, somente um usuário que se conecta ao sistema NT pode acessar seu conteúdo. Isto não é o que acontece. Há um utilitário freeware que permite visualizar qualquer unidade NTFS como FAT, permitindo a leitura e a execução de arquivos em uma unidade NTFS pelo Win95 ou Win 3.1. Transfira este utilitário, NTFSDOS.ZIP, do site O'Reilly's, em www.ora.com. Um truque: o NTFSDOS não pode fazer gravações em um disco NTFS.  
 
 
 

COMPONENTES FÁCEIS  

Se você instalou o NT 4.0 a partir do CD-ROM e colocou os arquivos de instalação em um servidor da rede, o NT pedirá a localização dos arquivos todas as vezes que for instalar um novo componente. Para evitar essa inconvenientes caixas de diálogo, pode-se redirecionar a instalação para a localização correta. Execute o RegEdit, selecione HKEY_LOCAL_MACHINE para alterar a entrada SourcePath. Dê um duplo clique em cada uma destas pastas: Software\Microsoft\Win-dows\CurrentVersion\Setup, modifique o campo de dados Value com a localização do seus arquivos NT (exemplo: F:\Winnt\i386) e clique 0K.  
 
 
 

OPÇÃO ECONÔMICA  

Se seu sistema for compatível com o Advanced Power Management (APM ou Gerenciamento de Energia Avançado) e ele estiver ativado, você pode desligar o NT sempre que for necessário. Dessa maneira, o sistema se autodesativa depois que você selecionar a opção Shut Down, ficando livre da mensagem "It is now safe to tum off your computer". Para configurar isto, abra o RegEdit e selecione HKEY_LOCAL_MACHINE. Acione Edit | Find e procure em Values (Valores) por PowerdownAfterShutdown. Ao encontrar esta entrada (na subchave \Software\Microsoft\WindowsNT\CurrentVer-sion\Winlogon), dê um duplo clique nela. Na caixa de diálogo Edit String (Editar Seqüência), altere os dados de Value para 1, então clique em 0K. As opções Shutdown e Powerdown aparecerão quando você pressionar Ctrl+Alt+Del e acionar Shut Down.  
 
 

SEM OS DISCOS  

Você pode instalar o Win NT Server ou Workstation a partir da rede com os arquivos de instalação do NT 4.0 que já estão em um servidor de arquivos. Primeiro: particione a unidade local no PC de destino e configure a sua inicialização através do DOS. Em seguida, separe o WINNT.EXE, um dos dois programas de instalação do NT, em uma pasta duplicada do diretório \I386 no servidor. Da estação, execute o comando WINNT /B (esta opção indica que você não está usando os três disquetes de instalação do NT).  
 
 

MODO EMULADO  

Se um de seus componentes de hardware não estiver na HCL, você ainda pode conseguir usá-lo. Se o dispositivo aceitar emulação, você pode configurá-lo para se comportar como um daqueles que aparecem na lista. Por exemplo, se o manual da sua placa de rede diz que ela é compatível com a NE2OOO, "diga" ao Windows NT que ela é uma NE2OOO. Considere esta solução como um "quebra-galho". A melhor saída é atualizar sua interface de rede, pois o modo emulado não terá o mesmo desempenho que um dispositivo trabalhando no modo real.  

Ser um administrador de rede pode ser um serviço bastante ingrato (como já diria Dogbert nas tiras cômicas Dilbert, de Scott Adams), porém há maneiras de torná-lo um pouco mais agradável, e estas são 13 delas. Você encontrará dicas práticas de gerenciamento e administração da sua rede NT 4.0, algumas delas requerem o Windows NT 4.0 Resource Kit. Diferente dos kits anteriores, há versões separadas para o NT Server e o NT Workstation.  
 
 
 

MARAVILHOSOS ASSISTENTES  

Apesar de possuir sua nova interface do Windows NT 4.0, as tarefas administrativas podem ainda ser difíceis para configurar e gerenciar. Felizmente, os Administrative Wizards (Assistentes Administrativos) do NT Server 4.0 lhe ajudarão. Eles trabalham do mesmo jeito que os assistentes dos aplicativos Microsoft, guiando-o através das tarefas mais comuns, como adicionar contas de usuários, gerenciar grupos e acessos a pastas e arquivos.  

O NT 4.0 instala os assistentes automaticamente. Para usá-los, vá para o menu Start e escolha Programs Administrative Tools | Administrative Wizards.  
 
 
 

ESCONDA NOMES DE USUÁRIOS  

Por definição, as caixas de diálogo de conexão do NT exibem o nome do usuário da última pessoa que usou o sistema. Isto pode ser um risco de segurança porque os intrusos saberão o nome de usuário de alguém, aumentando a probabilidade de descobrir a senha desta pessoa (então, não use o seu próprio nome como senha).  

Evite que o nome do usuário apareça nas caixas de diálogo, abrindo o Registry e selecionando HKEY_LOCAL_MACHINE. Escolha Edit | Find e coloque ReportBootOK na caixa Values (sub-chave \Software\Microsoft\Windows NT\CurrentVersion\Winlogon). Clique com o botão direito no painel direito do Editor do Registry e acione New | String Value. O nome do item novo se chamará DontDisplayLastUserName e pressione Enter. Agora dê um duplo clique no item criado, insira 1 no campo de dados Value e clique 0K.  
 
 

ESCONDA UNIDADES  

Para evitar que usuários acessem uma unidade, esconda-a Para remover a letra da unidade, use o utilitário Disk Administrator do NT, que está presente no Workstation e no Server. Selecione Start | Programs | Administrative Tools I Disk Administrator. Clique na unidade e escolha Tools | Assign Drive Letter. Selecione "Do not assign a drive letter," clique em 0K e confirme a opção. (Visualize as unidades no Explorer para checar os resultados.) Uma nota: o Disk Administrator não permitirá que você esconda a partição onde é feita a inicialização, que é usualmente a unidade C:  
 
 

COMPARTILHAR SELETIVO  

Ao selecionar um recurso para compartilhar pela rede, você geralmente associa permissões por grupos, como domain users (usuários do domínio) e guests (convidados). E se você quiser associar direitos a apenas uma única pessoa ou a dois ou mais usuários que não fazem parte do mesmo grupo?  

Use a caixa de diálogo Sharing (Compartilhamento): clique com o botão direito sobre a pasta - ou outro recurso - que você quer compartilhar e acione Sharing. Em seguida, clique o botão Permissions (Permissões). Você verá uma lista dos grupos que podem acessar o recurso. Clique o botão Show Users para adicionar os nomes de contas individuais à lista. Clique nos nomes dos usuários que você quer garantir o acesso; em seguida, clique em Add e em 0K. (Tenha certeza de ter removido o grupo Everyone (Todos) - da lista, que é o valor padrão.) É possível misturar usuários individuais e grupos na mesma lista, com diferentes níveis de acessos.  
 
 

DIAGNÓSTICO DE HARDWARE  

Conflitos de hardware podem acontecer sob NT, particularmente devido à falta de Plug and Play. Alguns conflitos podem ser fatais e impossibilitar a inicialização do NT ou, até mesmo, a reinstalação. Felizmente, o Workstation e o Server incluem uma ferramenta para solucionar problemas com equipamentos, chamado NT Hardware Query, ou NTHQ. Ele está na pasta \support\hqtool do CD de instalação.  

Para usar o NTHQ, insira uma disquete de 3,5 polegadas vazio e formatado. Então, execute o MAKEDISK.BAT, que copia os arquivos para o disquete, tornando "inicializável". Inicialize pelo disquete criado. Ao executar o NTHQ, ele fará um levantamento de todo o seu sistema (incluindo os chip sets da placa-mãe) e reportará suas descobertas para ajudá-lo a identificar o equipamento com defeito. Não há sugestões para consertos, entretanto.  
 
 

MONITORE O DISCO RÍGIDO  

O Windows NT 4.0 Resource Kit para Workstation e Server vem acompanhado de um prático utilitário chamado Diskmap, que analisa a configuração, partições, unidades lógicas, características e informações geométricas sobre a sua unidade de disco rígido. O Diskmap colhe suas informações do Registry do NT. Para executar o Diskmap pela linha de comando, digite diskmap /d<NúmeroDaUnidade>. O número da unidade é o número do disco rígido que você quer mapear. Pode-se obtê-lo através do Disk Administrator no grupo Administrative Tools. (Nota: se você tiver somente um disco rígido, seu número é O - zero).  
 
 

 

FDISK O  

Disk Administrator é um pouco parecido com o FDISK do MS DOS, criando, removendo e visualizando partições de discos, mas somente o Disk Administrator pode formatar, criar partições extendidas e associar letras especificas a partições. Para usá-lo, clique Start | Programs Administrative Tools (common) e escolha Disk Administrator. Quando ele é carregado, você verá um gráfico de barra exibindo todas as unidades de seu sistema, com suas partições e o tipo de sistemas de arquivos que elas utilizam. Selecione a unidade a ser modificada. Na barra de menus, clique Tools | Assign Drive Letter. Na caixa de diálogo Assign Drive Letter, escolha uma letra para a sua unidade e clique 0K. A mudança terá efeito imediatamente.  
 
 

EVITE OS INDESEJÁVEIS  

Deixar a mesa por alguns instantes é permitir que a sua estação de trabalho esteja em risco  

qualquer um poderia ir até o seu computador e tentar acessá-lo. Se tiver sucesso, esta pessoa pode até acertar a sua senha. Felizmente, o Windows NT 4.0 Workstation e Server permitem travar uma estação quando alguém entra com uma senha inválida mais vezes do que a quantidade determinada pelo sistema. Veja como este recurso funciona.  

Primeiro, clique o botão Start e vá para Programs | Administrative Tools (common) | User Manager. Do menu Policies, escolha Account. Na caixa de diálogo que aparece, use a área Password Restrictions (Restrições de Senha) para associar os parâmetros para as senhas, como o tamanho da senha e o seu período de validade em dias (Maximum Password Age ou Idade Máxima da Senha). Selecione a opção Account Lockout e defina os valores que você quer aplicar à sua conta. Por exemplo, pode-se travar uma conta depois de um determinado número de tentativas erradas de conexão; definir a quantidade de minutos que se deve aguardar entre duas tentativas de conexão (Reset count after); e ajustar a duração do travamento para sempre (pelo menos, até o administrador liberar a conta protegida) ou por um período de tempo especifico. Os valores padrões são: travar após cinco tentativas erradas, reiniciar a contagem após 30 minutos e manter a estação travada por 30 minutos.  
 
 

PERFIS EM QUALQUER LUGAR  

Os perfis de usuários do NT 4.0 armazenam dados sobre cada usuário, incluindo seus ícones pessoais, papel de parede e grupos de programa. Todos esses dados residem no servidor, mas o NT os copia na máquina-cliente quando o usuário se conecta à rede. Se um usuário se conecta através de várias estações, uma cópia daquele perfil pessoal de usuário estará em cada uma delas. Da mesma maneira, se diversos usuários compartilham uma máquina, ela conterá todos os seus perfis. Essa proliferação de perfis pode desperdiçar muito espaço em disco, pois estes arquivos podem chegar a 1MB ou mais. Por isso, o Windows NT 4.0 Resource Kit inclui o utilitário de linha de comando DELPROF.EXE, que pode excluir perfis de usuários em qualquer computador local ou remoto. Para usá-lo em um computador local, digite delprof /p. Esta opção (/p) faz com que o utilitário busque por todos os perfis que estiverem no equipamento, pedindo a confirmação antes da deleção deles. Se você quiser apagar todos os perfis do sistema sem confirmar, use /q ao invés de /p. Pode-se executar o DELPROF.EXE por uma máquina remota adicionando o parâmetro /c:NomeDoComputador. Consulte a lista completa de todas as opções, executando delprof /?. Você pode executar este utilitário a partir de qualquer versão do Windows NT até a 4.0, mas não pelo Windows 95.  
 
 

QUAL E O ENDEREÇO  

Se seu NT está trabalhando com TCP/IP, há uma grande chance dele buscar seu endereço IP pelo servidor com o protocolo Dynamic Host Configuration Protocol (DHCP). Isto significa que o NT associa o cliente a um endereço IP a cada vez que você inicializa a máquina. Como o endereço pode ser diferente a cada tentativa, ele não aparecerá na caixa de diálogo TCP/IP Properties (Propriedades TCP/IP) do Network Neighborhood (Ambiente de Rede).  

Este caso pode ser problemático se, digamos, você quiser configurar um serviço FTP para que pessoas transfiram arquivos de seu computador. Para encontrar o endereço IP do computador, a Subnet Mask (máscara de sub-rede) e o Default Gateway (gateway padrão), clique o ícone Console do Control Panel para acessar uma linha de comando. Digite ipconfig e o NT dará as informações necessárias para você.  
 
 

CHEGA DE FAT  

Os sistemas Win95, Win 3.1 e DOS não podem ler arquivos de unidades NTFS. Esta é a principal razão para os administradores ignorarem os benefícios do NTFS e manterem o FAT como sistema de arquivos padrão. Porém, à medida que o NT se populariza, você deve decidir se a segurança e a confiabilidade do NTFS não valem mais do que a compatibilidade como FAT. Se valem, converter partições FAT para NTFS não significa que você terá que reformatar seus discos e reinstalar todos os seus aplicativos. O NT 4.0 inclui um utilitário de linha de comando para fazer a conversão de uma unidade FAT para NTFS, dispensando a destruição de seus dados. (Ainda assim, recomendamos um backup antes.)  

Para iniciar a conversão, clique Start Programs | MS DOS Prompt. Digite CONVERT [unidade:] /FS:NTFS /V. O parâmetro /FS:NTFS indica a conversão da unidade atual para NTFS, enquanto o /V exibirá mensagens de erros que ocorrerem durante o processo.  

Se o NT tiver acesso exclusivo à unidade que você estiver convertendo, o processo acontecerá imediatamente. Se não, será exibida a seguinte mensagem: "Convert cannot gain exclusive access to the D: drive, so it cannont convert it now. Would you like to schedule it to be converted the next time the system restarts (Y/N)?" Isto significa que alguns arquivos estão em uso no momento e não podem ser travados. Pressione Y. Na próxima vez que o sistema iniciar, a conversão funcionará.  

Uma observação: não se pode usar esse método de conversão em unidades que contém os arquivos de sistema do NT. Para converter estas unidades, você terá que reinstalar o NT e escolher o sistema NTFS durante o processo de configuração.  
 
 

AUDITORIA FÁCIL  

O Windows NT Workstation e Server podem auditorar tanto os eventos do sistema, como a identificação de usuários os arquivos que eles acessaram, quando se conectaram pela última vez e quando se desconectaram. Mas para isto, você terá que habilitar os recursos de auditoria do NT. Abra o User Manager em Start I Programs | Administrative Tools (common). Do menu Policies, selecione Audit e escolha os eventos que tiveram sucesso ou falharam que você quer monitorar. Clique 0K quando tiver terminado.  

Você poderá visualizar as atividades registradas através do Event Viewer, que também está no grupo Administrative Tools (common). O Event Viewer registra os eventos de três maneiras: sistema (System), aplicativo (Application) e segurança (Security) (esta última só pode ser usada por alguém que pertence ao grupo dos administradores). Selecione o menu Log e escolha o modo de visualização desejado.  
 
 

CRIE MODELOS DE USUÁRIOS  

Este é um método rápido para cadastrar muitos usuários em uma máquina NT. Acione Start | Programs | Administrative Tools | Use Manager. Em seguida, escolha User | New User para criar uma conta chamada Template (Modelo). Selecione Groups (Grupos) para adicionar um usuário genérico para os grupos requeridos pelo seu sistema de acesso e segurança; clique em Profiles (Perfis) para associar uma perfil a um usuário; e a opção Dial-in para definir permissões de discagem. Sempre que você precisar adicionar um usuário, selecione a conta Template e pressione F8 para copiá-la. Por fim, adicione as novas informações e senha; o NT copiará os dados para todos os usuários baseados no modelo automaticamente.  
 
 

NÃO PRECISA REPETIR INSTALAÇÕES  

Para instalar um aplicativo sob o Windows NT de modo que todos os usuários possam acessá-lo, há duas opções. É possível instalá-lo enquanto você estiver conectado como administrador, o que o toma disponível a todos os usuários automaticamente. Se você não tiver feito isto e quiser compartilhar um aplicativo já instalado, aqui está o que fazer.  

Clique em Iniciar | Configurações I Barra de Tarefas. Selecione a guia Programas do Menu Iniciar e clique o botão Avançado. Isto lhe conduz à pasta WinNT\Profiles\nome do usuário\Start Menu numa janela do Explorer (nome do usuário é o nome de quem está conectado). No painel esquerdo da janela, localize a pasta WinNT\Profiles\All Users e abra as pastas até encontrar a \Start Menu\Programs 

A seguir, retorne para a pasta WinNT\Profiles\nome do usuário\Start Menu e selecione a pasta Programs. No painel direito, selecione o grupo ou ícones que deseja compartilhar e arraste-os para WinNT\Profiles\All Users\Programs 

Na próxima vez que você der um clique em Iniciar | Programas, o programa que você moveu aparecerá.  
 
 

Estações DOS  

Gostaria de saber se há alguma possibilidade de se conseguir um login entre uma estação rodando somente o sistema operacional DOS 6.22 e um servidor Windows NT Server 4.0 ou seja, será que existe algum protocolo que executado no DOS consiga logar no NT Server, como o Novell, e, com isso, executar um programa DOS do Servidor.  

Você pode ter uma estação DOS 6.22 conectada a uma rede NT, desde que use um disco para configuração do cliente MS-DOS. Para criá-lo, acione o aplicativo Network Client Administrator no grupo Network Administration. Siga as instruções do aplicativo e faça suas estações DOS acessarem o servidor NT.  
 
 

Instalação do NT  

Fui encarregado de instalar uma rede com o NT 4.0 server, e surgiu uma dúvida. Tendo comprado o NT com 10 clientes, estes clientes são para qualquer máquina, Win 3.11, Win95 e NT Workstation? O NTFS do servidor pode ser empregado em clientes, por exemplo, para evitar que o usuário tenha acesso ao disco rígido em uma máquina cliente de uma rede baseada em NT 4.0? Tenho de comprar o NT Workstation e ligá-lo ao server para ter o mesmo nível de controle ou posso formatar o disco em NTFS e rodar o Win95 ou Win311? Vi dentro do CD de instalação do NT 4.0 Server na pasta clientes uma instalação de Win95, ela é diferente das outras?  

A compra de uma versão do NT com licença para 10 clientes possibilita que você use até 10 estações gerenciadas pelo seu Windows NT Server 4.0 com o sistema operacional que você achar mais conveniente. O NTFS só pode ser usado nas estações que possuam o NT. No caso das máquinas Win3.11 e Win95, você não poderá verificar quais são as pessoas autorizadas a acessar uma unidade ou modificar estas configurações, mas seu acesso será normal. Já numa estação NT Workstation, poderá verificar quais são as configurações da unidade NTFS que está sendo acessada. Não há necessidade de comprar o NT Workstation para conseguir acessar uma unidade NTFS do servidor. As estações Win 3.11 e Win95 irão fazer o acesso normalmente, como se fosse uma unidade de rede normal. Os subdiretórios abaixo da pasta Clients servem para a instalação de clientes NT a partir de estações com outros sistemas operacionais. Assim, aqueles arquivos não são para a instalação completa do Win95 apenas o que é necessário para ele fazer o logon na rede NT.  
 
  
 
 

TORNE SEU SISTEMA A PROVA DE HACKERS  

Com certeza, você tranca a porta de casa sempre que sai. É claro que você não espera que um estranho entre, mas é melhor não facilitar as coisas. Tome as mesmas precauções de segurança com o seu sistema Windows NT 4.0 e seja super previdente num sistema compartilhado instalado em local de acesso público.  

Mantenha Distância Qualquer ladrão de dados em potencial, que ligue um PC depois que você encerrou uma sessão, pode apertar Ctrl-Alt-Del para iniciar novamente o processo de abertura de sessão. Por definição, o NT "lembra" o nome de usuário da última pessoa que estava no sistema e o exibe na caixa de diálogo de abertura de sessão. A saída é tornar o trabalho do hacker duas vezes mais difícil, escondendo este dado e forçando-o a descobrir o seu nome de usuário e também a sua senha. Esta dica assume que você tenha selecionado uma senha razoavelmente difícil; com pelo menos 10 caracteres, misturando letras maiúsculas, minúsculas e números; e que não representem uma palavra.  

Inicie o Editor de Registro do Windows NT (Regedt32). Na sub-árvore HKEY_LOCAL_MACHINE, selecione a sub-chave SOFTWARE\Microsoft\Windows NT\CurrentVersion\Winlogon. Escolha Editar, Adicionar Valor, e crie um novo valor chamado DontDisplayLastUserName (que significa Não Exibir  

Nome último Usuário), do tipo REG_SZ. Digite 1 como seu conteúdo. Para dar um pouco mais de trabalho para o eventual bisbilhoteiro, edite mais dois valores nesta sub-chave, o LegalNoticeCaption e o LegalNoticeText, ambos do tipo REG_SZ. Digite Atenção! no LegalNoticeCaption e use uma expressão forte e desencorajadora no valor de LegalNoticeText, como: Qualquer acesso não autorizado encerrará imediatamente a sessão!  

Salve estas alterações e saia do Editor do Registro. O próximo usuário que digitar os comandos Ctrl-Alt-Del verá não um, mas dois brancos na caixa de diálogo de abertura de sessão, junto com um contundente aviso sobre as conseqüências de uma abertura de sessão não autorizada. Isto deverá manter afastados pelo menos os hackers não tão persistentes.  
 
 

MONITORE SEUS APLICATIVOS  

Use o Gerenciador de Tarefas do NT para assumir o controle dos seus aplicativos. Para iniciá-lo, aperte Ctrl-Alt-Del e clique no botão Gerenciador de Tarefas. A guia Aplicativos apresenta uma lista de tarefas; clique com o botão direito em qualquer lugar dentro da janela e alterne para ícones Grandes, que são mais fáceis de ler. Quando você clica com o botão direito num arquivo, a escolha no canto inferior no menu permite que você associe um programa em execução com seu processo principal.  

Assuma o Comando A guia Processos monitora os aplicativos e os serviços do sistema. Use-a para rastrear programas ocultos que possam estar drenando recursos do sistema. A coluna CPU mostra qual o percentual da CPU que está sendo usado por cada tarefa, enquanto a coluna Uso MEM. identifica o quanto de memória do sistema cada tarefa está consumindo. Quando os recursos ficarem escassos, use estas medidas para determinar quais tarefas devem ser finalizadas primeiro. Se um processo está sendo executado muito devagar ou consumindo ciclos de CPU em excesso, clique com o botão direito na sua entrada e clique em Definir Prioridade, alterando-a de Normal para Alta ou Baixa. Não importa o que aconteça, não selecione a prioridade Tempo Real. Esta configuração dá ao processo selecionado carta branca para se apoderar de todos os ciclos de CPU disponíveis, sem mesmo dar chance para outros aplicativos.  

Se você usa o Gerenciador de Tarefas regularmente, não o encerre; em vez disso, clique no botão Minimizar. Sempre que ele estiver aberto, você verá o ícone Gerenciador de Tarefas, que, por si só, é um surpreendentemente e preciso medidor de utilização da CPU.  
 
 

COMPATIBILIDADE É TUDO  

Tentar instalar e configurar o Windows NT Workstation em algumas máquinas mais velhas (e mesmo em algumas mais novas) pode ser frustrante, particularmente se o computador, ou periférico, não estiver na HCL ou Hardware Compatibility List (Lista de Hardware Compatível), da Microsoft. Para minimizar os problemas de instalação, a Microsoft liberou o Windows NT Workstation 4.0 Compatibility Tool (NTCOMP.EXE), que pode ser transferido em www.microsoft.com/windows/common/ntcom-pto.htm. Este programa examina o hardware do seu sistema, compara-o com a HCL e com os requisitos de sistema do NT e cria um registro detalhado dos recursos do seu equipamento. Para executar esta ferramenta, você precisa de um PC 486 ou superior, 8MB de RAM e dois disquetes de 1,44MB vazios.  

Após carregar o programa, dê um duplo clique no seu ícone e siga as instruções. Ao terminar, reinicie o sistema, usando os discos que foram criados. O programa irá examinar cada componente de hardware do seu sistema e apresentar uma indicação vermelha, amarela ou verde, que indica a probabilidade de que uma instalação do WinNT Workstation seja bem sucedida. (As indicações vermelha ou amarela não significam, necessariamente, que não se consiga executar o NT; elas indicam que você poderá ter dificuldades, embora não lhe diga qual tipo de dificuldade.)  
 
 

ACESSO NEGADO  

Muitas empresas usam pessoas contratadas que precisam de acesso aos seus PCs e recursos da rede e que, freqüentemente, acessam diversas estações. Para evitar que elas utilizem uma determinada máquina, tente configurar suas contas na rede para que tenham acesso apenas aos PCs pré-estabelecidos para os programas serão usados. Para fazer isto, vá para Start Programs | Administrative Tools (Common) | User Manager for Domains. A partir da barra de menus, selecione User e, depois, Properties. Clique o botão Log On To e selecione User May Log On To These Workstations. Em seguida, digite os nomes das estações às quais você quer que os usuários tenham acesso.. (E possível escolher até oito estações de trabalho.) Agora, quando os usuários tentarem se conectarem à rede por uma máquina não autorizada, eles receberão uma mensagem indicando que a conta está configurada para proibir o uso deles através daquela estação de trabalho.  
 
 

SINAL DE OCUPADO, FORA!  

Se você usa um provedor de acesso para chegar até a Web, provavelmente estará familiarizado com o Acesso à Rede Dial-Up (ARDU) e com o fato de que, durante horas, muitos provedores ficam inundadas de usuários. Infelizmente, pelo padrão, quando o ARDU encontra um sinal de ocupado, ele o informa de que a linha está ocupada e pede que você tente mais tarde. Em vez de rediscar automaticamente o número, você precisa clicar o botão de conexão toda vez que retentar o acesso. Mas, você pode habilitar o recurso de rediscagem automática do ARDU.  

Para fazer isto, vá para Iniciar | Programas | Acessórios | Acesso à Rede Dial-Up. Na barra de menus, clique Conexões I Configurações e, na caixa de diálogo seguinte, ative a caixa Rediscar. Nesta caixa você também pode configurar opções como quantas vezes o ARDU deve tentar a conexão e o intervalo de tempo que ele deve esperar entre as tentativas.  
 
 

DESEMPENHO EM ALERTA  

Ao utilizar os protetores de tela que vem junto com o Windows NT 4.0 Server, alguns deles podem "devorar" todo o processamento da CPU de seu computador e comprometer o desempenho de aplicações. Os principais são: 3d FlowerBox, 3d Flying Objects, 3d Maze e 3d Text. Para saber se estes e outros protetores de tela estão diminuindo o desempenho do servidor e, por conseqüência de toda a rede, clique o botão Iniciar | Adminstrative Tools | Performance Monitor e selecione o monitoramento do item Processor | %Processor Time. Em seguida, ative um dos protetores de tela. Aguarde alguns segundos e observe no Performance Monitor o resultado. Observe que alguns deles chegam a consumir 100% de Processor Time.  

WINDOWS NT Outros 

Se gasta uma parte significativa do seu tempo trabalhando com Windows NT 4.0 Server, talvez você vá gostar do novo Resource Kit para o NT 4.0 Server, da Microsoft. Ele não apenas fornece uma documentação útil sobre o funcionamento interno do NT (muito além da oferecida no manual), mas também vem com um CD-ROM repleto de ferramentas práticas, que tornarão a sua experiência com o NT um pouco mais fácil.  

O Microsoft Windows NT4.O Server Resource Kit, Supplement One (R$47,99, Microsoft Brasil, 011-5514-7280) acrescenta mais uma coleção, mas este tem um pesado foco nos serviços de rede. Ele lida com tópicos como a utilização do Internet Information Server, a implementação de redes ISDN, monitoração de largura de banda da rede e otimização de desempenho do servidor. E ele também vem com um CD contendo ferramentas. Simplesmente coloque o CD na unidade e clique Install. Isto irá instalar a maioria dos utilitários no seu disco rígido. (Algumas das ferramentas têm instruções de instalação separadas.) O pacote de recursos é composto de utilitários gráficos e de linha de comando que você pode executar a partir do prompt do DOS ou diretamente a partir do Explorer. Aqui, discutirei alguns dos itens mais úteis que estão no CD.  
 
 

APENAS PARA OS FANÁTICOS PELO NT  

Se você for a única pessoa que usa a sua máquina NT e quiser contornar o "toque das três pontas" (Ctrl+Alt+Del) para abrir uma sessão, experimente o Auto Logon Setter. Você simplesmente entra com a sua senha no Auto Logon Sefler e, a partir daí, ela fica guardada e a sua sessão será automaticamente aberta quando você iniciar a máquina. Embora este processo possa ter a sua conveniência, tenha em mente que ele diminui um pouco o nível de segurança do seu sistema.  
 
 

RECUPERE O SEU ESPAÇO  

Os perfis de usuários podem ocupar uma grande quantidade de espaço no disco rígido em alguns casos, chega a um megabyte. Não seria bom poder excluir os perfis inativos e recuperar algum espaço em disco? Com o utilitário User Profile Deletion (DELPROF.EXE), você consegue fazê-lo -mesmo a partir de uma máquina remota. Simplesmente digite DELPROF /d:n, onde n é a quantidade máxima de dias de inatividade permitida. O sistema eliminará os perfis que estiverem inativos por mais tempo do que o permitido. Para executar o User Profile Deletion numa máquina remota, acrescente a linha /C:\\computer name. Para uma rápida olhada em quem está com sessão aberta, em qual máquina, num domínio em particular, simplesmente digite USERSTAT e, depois, o nome de domínio. Você receberá uma lista atualizada de usuários, inclusive a data e a hora em que cada um abriu a sessão.  

Se quiser desligar ou reiniciar um sistema, você não precisa estar sentado àquela determinada máquina; o Shutdown Manager permite que você o faça remotamente. Execute este utilitário, digite o nome da estação (ou escolha um na lista) e clique 0K. Na tela com campos em branco, você verá que também é possível estabelecer um tempo de espera e entrar com uma mensagem que avisará os usuários para salvar seus trabalhos antecipadamente.  
 
 

UMA CURA PARA OS SIMPLÓRIOS  

Eis um problema comum: os usuários da rede estão usando senhas fáceis de descobrir. Para corrigir o problema, se estiver usando as ferramentas embutidas do NT, você poderá forçá-los a mudar as senhas periodicamente ou especificar um tamanho mínimo para a senha, usando o comando net accounts, que você pode executar a partir de qualquer prompt. Mas, eis uma outra forma. Execute PASSPROP /COMPLEX através da linha de comando. Este utilitário força o domínio a exigir senhas complexas ou seja, com alternância de maiúsculas e minúsculas, além de um número ou símbolo, no mínimo. O utilitário mudará as configurações do Registro pertinentes às senhas, obrigando o uso de novas regras.  
 
 

A FERRAMENTA  

Webmasters e administradores Internet, a Link Checker é a ferramenta que você queria. Ela examina cuidadosamente os documentos HTML localizados no seu site e o notifica sobre ligações interrompidas e referências incorretas para desenhos e outras páginas. Simplesmente execute LINKCK.EXE e, depois, escolha File Open URL e digite o nome de um documento HTML que esteja no site.  
 
 

0 ESPLENDOR DO RAS  

Se tiver usuários se conectando a um servidor NT por um Remote Access Server (RAS), você não deve trabalhar sem o Remote Access Manager, da Virtual Motion. (A versão experimental, que vem com o conjunto de recursos, trabalha com até duas portas RAS; você pode carregar a versão completa, sem limite de portas, a partir do site Web da empresa, em www.virtualimotion.com.)  

Ela permite um maior controle de configuração sobre o RAS do que o aplicativo padrão do NT. Ele é um dos cinco aplicativos que são instalados separadamente, e você pode selecioná-lo na tela inicial do CD -não é necessário navegar.  

Quando você clica na listagem do Remote Access Manager pela tela inicial, o Installation Wizard pedirá algumas informações sobre a configuração, inclusive o nome do servidor no qual você deseja fazer a instalação. Ao terminar de preencher as informações, será necessário reiniciar a máquina. Quando o NT for restaurado, vá para Start | Programs e encontre o Remote Access Manager. Execute-o e será apresentada uma interface com dois painéis. No painel esquerdo, há uma lista de usuários do domínio. Clique com o botão direito no nome de um usuário e selecione Enable Remote Access. Depois, clique o botão contendo um raio ou selecione File Add Session Control Properties para acionar o Session Control Wizard. Durante a sessão, você será capaz de especificar informações como o horário de conexão dos usuários RAS, quantas vezes ao dia, por quanto tempo eles podem permanecer conectados e por quanto tempo a sessão ficará inativa antes de ser encerrada. Você pode repetir este processo para usuários individualmente ou para grupos, ou pode especificar estas configurações de forma global.  
 
 

CONTA PRÓPRIA  

Há um inconveniente: a Microsoft não oferece suporte técnico "oficialmente" para os novos kits. Ela fornece um endereço de e-mail (rkinput@microsoft.com) para receber dúvidas, mas ela não garante uma pronta resposta (nem mesmo uma resposta -ponto final), portanto, assuma que você está por conta própria.  

Com a grande quantidade de utilitários que o Resource Kit do NT 4.0 Server possui, você encontrará neste conjunto algo que achará útil. Isto é apenas o começo.  
 
 

SEM O SHUT DOWN  

Para evitar que usuários não autorizados desliguem uma estação NT, desabilite o botão Shut Down da caixa de diálogo Logon Information. Primeiro, faça uma cópia de segurança do Registry, então abra o Registry Editor e a chave HKEY_LOCAL_MACHINE. Escolha Edit | Find, selecione somente Value na lista Look For e digite ShutdownW em Find What. Quando o valor ShutdownWithoutLogon estiver selecione, pressione Enter e altere o Value para O (zero). Pressione Enter novamente. Para testar os resultados, pressione Ctrl+Alt+Del e clique Logoff | 0K. Finalmente, pressione Ctrl+Alt+Del para exibir a caixa Logon Information; seu botão Shut Down deverá estar desabilitado.  
 
 

NT E 95 PAGINANDO JUNTOS  

O Windows 95 e o Windows NT usam diferentes arquivos de paginação da memória virtual. Entretanto, se ambos os sistemas operacionais forem executados no mesmo PC, o arquivo de paginação do NT (PAGEFILE.SYS) desperdiça muito espaço em disco durante as sessões Win95. Se a partição NT não estiver usando o NTFS (NT File System), o Win 95 não lê volumes NTFS, é possível fazer ambos os sistemas operacionais compartilharem o mesmo arquivo de paginação. Na pasta \Windows, clique duas vezes o arquivo SYSTEM.INI. Localize o cabeçalho da seção [386Enh]. Crie uma linha logo abaixo do cabeçalho e digite o seguinte:  

pagingfile=Drive:\pagefile.sys  

Se o Win NT estiver na unidade D, por exemplo, o comando deverá ser pagingfile=D:\pagefile.sys. Salve as alterações, feche o arquivo e reinicie o sistema. Agora você pode excluir o arquivo WIN386.SWP da pasta Windows (depois que você usar esta dica!).  
 
 

CONVERTENDO PARA NTFS  

Quando você instala o Windows NT pela primeira vez, você escolhe e reformatar a partição com FAT ou NTFS (se você não especificar nada, o padrão é a FAT). Caso você ainda não esteja bem certo se realmente deseja ou precisa do NTFS, a melhor abordagem é aceitar o padrão e converter a partição somente quando você precisar. A Microsoft oferece um utilitário que converte as partições FAT em NTFS sem que haja perda dos dados. É um programa de linha de comando que você executa digitando-se convert x: /fs:ntfs, onde x é a letra da unidade a ser convertida. Antes de executá-lo, entretanto, verifique se nenhuma aplicação ou arquivos de dados estão abertos; caso contrário, a conversão não ocorrerá. Você pode, no entanto, optar fazer a conversão na próxima vez que você reiniciar o sistema.  

Lembre-se que ao converter para NTFS, você não pode voltar à FAT (a menos que você realize um backup dos dados, reformate a unidade de disco e recopie os dados), de maneira que você deve decidir pela conversão cuidadosamente antes de iniciá-la. Há mais dois outros fatores que precisam ser analisados: tempo e espaço livre na partição que está sendo convertida. Dependendo da quantidade de dados que existe na unidade, a conversão pode durar alguns minutos ou algumas horas. Além disso, se você tentar converter partições com pouco espaço livre, você pode obter uma mensagem de erro solicitando mais espaço.  
 
 

COMPRIMINDO ARQUIVOS E PASTAS  

Há duas maneiras para você habilitar a compressão numa partição NTFS. A primeira é fazê-la ao formatar a partição; neste caso, todos os arquivos copiados serão automaticamente comprimidos. Para fazer isto, coloque habilite a opção Enable Compression (Habilitar Compressão) na caixa de diálogo Format. A segunda maneira é comprimir arquivos e pastas separadamente. Para fazer isto, clique com o botão direito do mouse sobre o objeto através do Windows Explorer e selecione Properties. Selecione o atributo Compressed (Comprimido) na parte inferior da caixa Properties e dique 0K. Após a compactação do arquivo, você pode visualizar o tamanho final na caixa de diálogo Properties. O padrão do Windows Explorer é não utilizar ícones de diferenciação entre os arquivos comprimidos e os não-compactados. Se você quiser mudar isso, selecione View | Options | "Show Compressed Files in Altemate Color". Os arquivos comprimidos passarão a ser exibidos em azul.  
 
 

CRIPTOGRAFIA DE ARQUIVOS E PASTAS  

Para criptografar um arquivo ou pasta no NT5, clique com o botão direito sobre o arquivo no Windows Explorer e escolha "File and Folder Encryption, Encrypt". Esta opção possibilita criptografar somente o arquivo selecionado, todos os arquivos de uma pasta ou todos os arquivos e subpastas da pasta escolhida. Depois que um arquivo está criptografado, somente o usuário que o codificou será capaz de acessá-lo (a descriptografia ocorrerá automaticamente e de maneira transparente). Qualquer outro usuário que tentar acessar o arquivo encontrará uma mensagem de erro. Ao armazenar o arquivo no modo descriptografado novamente, você pode descriptografálo de forma semelhante à maneira como o codificou. O que quer que você faça, não criptografe nenhum arquivo, nenhuma pasta e nenhuma subpasta de sistema do NT. Caso contrário, o sistema poderia se tornar impossível de ser inicializado. De qualquer maneira, não há nenhuma razão para se criptografar arquivos do sistema; a criptografia se destina unicamente para proteger dados.  
 
 

INICIE COM WIN95 OU NT 4.0  

Eis como fazer a dupla inicialização do Windows 95 e do Windows NT 4.0 no mesmo PC. Se você tem um sistema Win95, instale o NT 4.0 em sua própria pasta. Uma vez instalados os dois sistemas operacionais, o NT 4.0 toma-se o sistema operacional padrão.  

Veja também como fazer no caso inverso: adicionar o Win95 a uma máquina que já possui o NT 4.0 instalado. Durante a inicialização, você tem a opção de escolher entre o NT e o DOS. Selecione o DOS e instale o Windows 95 em sua própria pasta (numa letra de unidade diferente).  

Para mudar o SO padrão do NT 4.0 para o Win95, abra o aplicativo System (Sistema) do Control Panel (Painel de Controle) e selecione a guia Startup l Shutdown (InicializarIDesligar). A partir do campo Startup (Inicializar), que contém as opções de inicialização, selecione Windows 95.  
 
 

ADICIONE O WIN 31 À MISTURA  

Existe uma maneira de fazer uma dupla ou tripla inicialização com o Windows NT 4.0, o 95 e o 3.1. Se você estiver utilizando uma máquina apenas com o NT, selecione a opção DOS no menu de inicialização, instale primeiro o Win 3.1 e, depois, o Win95 (cada um em sua própria pasta).  

Se o Win95 e o NT 4.já estiverem instalados em seu sistema, você pode adicionar o Win 3.1 à mistura. Não é possível, porém, criar uma opção para inicializar diretamente para o Win 3.1 ou para o DOS. Em vez disto, inicialize o NT 4.0 e selecione a opção de inicialização do Microsoft Windows, que carrega o Win95. Ao visualizar a mensagem Inicializando o Windows 95, pressione F8. Isto exibe o menu de inicialização do Win95. Selecione último item do menu, "Inicializar a versão anterior do MS-DOS" ("Boot the previous version of MS-DOS"). Agora, você pode instalar e, depois, executar o Win 3.1.  
 
 

LIMPO SEMPRE  

Quando você acessa um servidor ou estação de trabalho Windows NT, a caixa de logon mostra o nome da última pessoa que se conectou ao sistema. Como medida de precaução, você pode fazer o NT parar com esta opção. Apenas execute o Registry Editor, localize a pasta HKEY_LOCAL_MACHINE e expanda as pastas seguintes nesta ordem: Software\Microsoft\WindowsNT\CurrentVersion. Selecione a pasta Winlogon e na janela do lado direito, procure por DontDisplayLastUserName. (Se você não encontrar esta entrada, crie-a selecionando o menu Editar I Novo | Valor da Seqüência.) Agora, clique duas vezes nesta entrada e digite 1 no campo de dados da caixa de diálogo Value. Clique 0K, feche o Registry Editor e reinicie o computador.  
 
 

Alterando o nome do Servidor NT  

Acabou o problema dos administradores de rede quanto trocam o nome de um dos servidores. No processo normal, era necessário alterar em todas as estações de trabalho os mapeamentos para o novo nome do servidor. Com a dica abaixo, é possível criar vários "apelidos" para o servidor, como por exemplo, o nome antigo. Aí vai a dica: Edite o Registro do Servidor NT adicionando a chave OptionalNames com o "apelido" do servidor. HKEY_Local_Machine\System\CurrentControlSet\Services\LanmanServer\Parameters Add Value: OptionalNames REG_SZ String: "APELIDO" Se você criar uma entrada do tipo REG_MULTI_SZ, poderá criar vários apelidos.  
 
 

Melhor Gerenciamento de arquivos para o NT  

Se você começou a usar o Windows NT 4.0 recentemente, talvez esteja procurando por um utilitário de gerenciamento de arquivos melhor do que o Explorer principalmente se está acostumado com o Gerenciador de Arquivos do Windows 3.x ou NT 3.x.  

Você tem sorte: o NT 4.0 traz um Gerenciador de Arquivos atualizado com todos os recursos que você já adora, mais compatibilidade com nomes longos de arquivos. É superior ao Explorer em diversos aspectos. Eis algumas coisas que você pode fazer com ele.  

  • Limitar os arquivos exibidos em uma janela com curingas: escolha Visualizar-Tipo de Arquivo.
  • Personalizar a barra de ferramentas: escolha Opções-Personalizar Barra de Ferramentas ou dê um duplo clique em uma área vazia da barra de ferramentas.
  • Exibir unidades disponíveis em uma barra de ferramentas: escolha Opções-Barra de Unidades para ativá-la e desativá-la.
  • Controlar quais atributos são exibidos na visão Detalhes, incluindo o nome do arquivo MS-DOS: escolha Visualizar-Detalhes Parciais.
  • Personalizar uma fonte específica sem afetar as fontes dos Ícones da área de trabalho: escolha Opções-Fonte.
  • Organizar vários Ícones e janelas minimizados com ou sem uma árvore de diretório e preservar a organização: mantenha a tecla <Shift> pressionada enquanto escolhe Arquivo-Sair.

  •  

Onde está esse programa fantástico? Use o Explorer (pela última vez?) para navegar até Windnws\System32 e arraste winfile.exe para a pasta de sua escolha dentro de Menu Iniciar. Ao soltar o arquivo na pasta, você estará criando um atalho. Agora basta escolhê-lo no menu Iniciar sempre que quiser usar o Gerenciador de Arquivos.  

Se você quiser que o Gerenciador de Arquivos seja tão conveniente quanto o Meu Computador; coloque um atalho para ele em sua área de trabalho.  
 
 

 

 

HOME

TOPO